Um dia no Botafogo, Rio de Janeiro

Seta Fina Esquerda ícone
Um dia no Botafogo, Rio de Janeiro
Botafogo é um bairro da Zona Sul do Rio de Janeiro que passou por um processo de transformação nos últimos anos e destacou ainda mais a sua característica boêmia. O Soho carioca, em referência ao bairro artístico nova-iorquino, carrega em si uma alma descontraída e está sempre bem movimentado; seja pelas escolas, escritórios e centros empresarias que lotam as ruas de gente na hora do almoço ou pelas múltiplas opções de programação noturna, sua melhor faceta. Botequins, cinemas de rua, polo gastronômico e centros culturais são algumas das atrações que Botafogo oferece. Além, é claro, da bela vista da Enseada de Botafogo para a Baía de Guanabara e o Pão de Açúcar. Tem muito o que se fazer, ver, comer e comprar em Botafogo. Suas ruas principais, Voluntários da Pátria, São Clemente e Mena Barreto, mais movimentadas, convivem com um outro lado do bairro, com ruas perpendiculares graciosamente menores e arborizadas, e até mesmo, pequenas vilas de casas antigas e sobrados. Hoje, esse guia de um dia do bairro carioca vai falar um pouco mais sobre os brechós, sebos, livrarias e comidas vegetarianas maravilhosos que encontramos por ali. Vamos começar o dia no final da Rua Voluntários da Pátria, essa região fica coladinho ao bairro Humaitá, ela será nossa referência geográfica para o guia. Já indo para as compras, dois brechós valem a visita: Brechó Só Traças e Acervo Retrô. Neles, você vai encontrar itens de decoração, roupas, sapatos e acessórios. Kate Moss visitou um deles na sua vinda ao Rio de Janeiro. Isso quer dizer algo, não? Aproveitando o percurso dos brechós, pare no meio do caminho para um suco com misturas de frutas criativas, como caju, abacaxi e cardamomo, é sempre uma boa pedida. O Naturalie Bistrô, localizado na Rua Visconde de Caravelas, é um vegetariano que todo mundo que vai, recomenda. Vale a visita na hora do almoço, o estabelecimento fica aberto até as 16h e possui um cardápio que muda sempre, para valorizar ingredientes sazonais, sempre priorizando os orgânicos. No quarteirão seguinte fica A Comuna, um lugar conectado com a economia criativa, que une bar e restaurante, um espaço expositivo (Casamata) e uma livraria compartilhada (A Bolha Editora). O grupo comuna desenvolve projetos em rede nos pilares de música, arte, publicações e comida/bebida, por isso o espaço já foi sede de algumas edições da Junta Local, uma iniciativa que promove um encontro/feira entre consumidores e produtores locais, oferecendo produtos por um preço justo. É bom ficar ligado nos eventos que eles fazem, são imperdíveis!
Verde por todos os lados Verde por todos os lados
Sobre a cozinha da Comuna, ela não passa desapercebida com pratos diferentes e deliciosos. Um destaque especial para o hambúrguer vegetariano Sakamoto, com tempurá de shimeji da Junta Local e picles de cenoura, nabo e maionese de coentro. Recomendo fortemente comprar a parte o molho picante de sweet chilli, é simplesmente incrível! Outra opção para o almoço, descendo em direção a praia de Botafogo, é o escondido Refeitório Orgânico, na Rua Dezenove de fevereiro, 120 - considerado por muitos um dos melhores vegetarianos da cidade. Com toque budista, o restaurante tem dois andares; o primeiro oferece o cardápio à la carte com opções de prato do dia e o segundo andar um buffet com muita variedade onde come-se à vontade por um preço bem amigo. Seguindo, nossa próxima parada é o tradicional sebo Baratos da Ribeiro, que após o fechamento de sua loja em Copacabana, se mudou para Botafogo, na Rua Paulino Fernandes, 15. Confie na seleção deste lugar, uma das pepitas cariocas para discos de vinil e livros. Um só problema, sair com as sacolas cheias. Sobre sebos, ainda existem 2 que valem a sua visita. O primeiro, mais tímido, é o Sebo do Natal que é uma banca perto da saída do Metrô. Há 4 anos o Natal, como é apelidado o simpático dono, vende gibis e livros diversificados para os transeuntes que passam em direção ao Metrô.  Já o segundo, há 14 anos em Botafogo, o Luzes da Cidade fica dentro do cinema de rua, Cine Estação Rio. O sebo/livraria tem um acervo extenso de livros, cd’s, dvd’s e discos de vinil. Quase chegando no início da Voluntários da Pátria, encontramos um lugar para sentar, tomar uma cerveja e descansar depois desse longo passeio. House of Food Botafogo, na Void, é daqueles lugares que sempre tem uma boa surpresa gastronômica. Com a cozinha aberta para experimentações e competições, sempre recebe gente muito boa. Foi assim que a Vegtal surgiu por ali, e hoje, atende a de alimentação saudável nas ruas, eventos, feiras e projetos independentes. Com um cardápio que vai desde hambúrguer de feijão com molho de alho, vinagrete e rúcula, até falafel de abóbora e sobremesas feitas de forma artesanal. Uhlalá! Depois desse percurso, o que nos resta é a vista pra Baía de Guanabara e a certeza de que aos sábados das 7h às 13h acontece a Feira Orgânica em Botafogo, uma outra ótima oportunidade de começar o dia bem, aproveitar a caminhada e comer coisas gostosas.

Deixe um comentário

x