Seu Carrinho
Fechar alternativas ícone
Frete Ok

Um Carnaval sem lixo é possível?

Seta Fina Esquerda ícone Seta Fina Direita ícone
Um Carnaval sem lixo é possível?

O assunto aqui é, mais uma vez, o lixo gerado durante os bloquinhos de Carnaval. Mais um ano se passa e a gente tem que voltar a martelar nisso, infelizmente. A essa altura você já deve ter visto esse cenário pós-apocalíptico (ou pós-carnavalesco) no Largo da Batata, em São Paulo, clicado pelo Maurício Lanza, que viralizou. Já deve também ter lido essa matéria bem assustadora sobre o pré-carnaval na Vila Madalena, e tantas outras que começam a aparecer.

Tem muito compartilhamento dessa imagem acompanhado de ironia: "ufa, ainda bem que usaram glitter biodegradável!" - e a gente não vai tirar a razão, não. De nada adianta discurso na internet se na prática o que acontece é isso aí. Já parou pra pensar que uma noite de festa é capaz de gerar TONELADAS de lixo?

Como a gente contou aqui, em 2015 foram recolhidas 1.129,84 toneladas de lixo no Rio de Janeiro, nos 4 dias de festa.  Em São Paulo, em 2017, foram 643,3 toneladas de lixo no feriadão. Em dados mais atuais, no Carnaval passado foram cerca de 400 toneladas de lixo no Rio de Janeiro e mais de 700 em Salvador - com direito a 48 kg de lixo recolhido por mergulhadores do fundo do mar da Barra depois do feriadão.

Você tá indo pro bloco nesse Carnaval? Não deixa de levar o seu copo, a sua garrafa, descartar o lixo no lugar certo e falar com os amigos sobre isso. A gente fez um material bem bacana com dicas pra você reduzir o seu lixo sem passar trabalho - clica aqui pra ver! Já falamos, mas não custa repetir: se organizar direitinho, todo mundo se diverte sem fazer sujeira.

Deixe um comentário

x