Seu Carrinho
Fechar alternativas ícone

Calce Uma Causa

Um dia em Malasaña, Madrid

Um dia em Malasaña, Madrid
Com suas ruas encantadoras e vida cultural agitada, Malasaña é o bairro de Madri que roubou meu coração <3 Host de vários eventos como ¡PintaMalasaña!, Malakids! e Coctelsaña, organizados pela própria comunidade através da Plataforma Maravillas; esta parte da cidade respira e inspira vida, reunindo o mais variado público de diversas idades. O bairro é todo cool. Lá encontramos muita street art, lojas de marcas locais, brechós, livrarias, bares e cafés; sempre com uma programação recheada de shows, feirinhas, teatros e festas. No terceiro sábado de cada mês rola a Adelita Market, uma feira com produtos de segunda mão idealizada pela Associação Adelita, uma organização sem fins lucrativos dedicada à educação e promoção do consumo consciente e responsável.
// oh-oh, lelê ♥ fazendo parte da cultura de rua em Malasaña // // oh-oh, lelê ♥ fazendo parte da cultura de rua em Malasaña //
O melhor para explorar a região é ir se perdendo e descobrindo novos caminhos. Aqui vão algumas diquinhas para guiar vocês por um dia no bairro mais charmoso de Madri:
  // Café da manhã
Escolher um café em Madri não é tarefa fácil, tem um mais lindo que o outro. Mas uma coisa é certa: você não pode deixar de provar os churros e as tostadas de tomate y aceite, pratos típicos da Espanha. A maioria dos cafés possui menu especial para desayuno, abaixo está uma listinha dos meus preferidos, tanto para manhã como a tarde:
La Bicicleta Café // Plaza de San Ildefonso, 9 Verbena Bar // Calle Velarde, 24 Vacaciones // Calle del Espíritu Santo, 15 Toma Café // Calle de la Palma, 49 Levadura Madre // Calle de San Joaquín, 4 La Fiambrera // Calle del Pez, 7
//cappuccino vegano com leite de soja no La BicicletaCafé // //cappuccino vegano com leite de soja no La BicicletaCafé //
 
Let’s go explore!
Saia para caminhar e deixe-se surpreender pelas ruas do bairro, coloque no seu roteiro: // BRECHÓS Biba Vintage // Calle Velarde, 1 La Mona Checa // Calle Velarde, 2 Flamingo Vintage Kilo // Calle de Espíritu Santo, 1 Alphaville Vintage Shop // Calle Velarde, 1
// LIVRARIAS
The Cómic Co. // Calle Divino Pastor, 17 Tipos Infames // San Joaquín, 3 Cervantes y Compañía // Calle del Pez, 27 Librería Reno // Calle Monteleón, 14 Panta Rhei // Calle Hernán Cortés, 7
//decoração Flamingo Vintage Kilo// //decoração Flamingo Vintage Kilo//
  // Pausa para o almoço
Estes são os meus restaurantes preferidos, cada um com sua especialidade e todos com muito charme: Ay mi Madre! // Calle de la Palma, 41 La Hummuseria // Calle Hernán Cortés, 8 Slow Mex // Calle de San Vicente Ferrer, 33 Naif Burguer & Bar // Calle de San Joaquín, 16 Francesco’sPizzeríaNeoyorquina //CalledeFuencarral,57 Crêperie La Rue // Calle de Colón, 14
  Separe a tarde para ir ao Museo del Romanticismo (entradas: 3 € inteira e 1,50 € reduzida // free nos sábados a partir das 14h) e na Fundación Telefônica (entrada gratuita). Tenha em mente que entre 14h30 – 17h é o horário da siesta, quando a maior parte do comércio fecha – e um ótimo momento para visitar as exposições :)
// exposição “HITCHCOCK, MÁS ALLÁ DEL SUSPENSE” na Fundación Telefônica // // exposição “HITCHCOCK, MÁS ALLÁ DEL SUSPENSE” na Fundación Telefônica //
  // Janta
Não deixe de ir no restaurante Ojalá // Calle de San Andrés no 1; lá eles oferecem uma variedade bem grande de cervejas, sidras, vinhos & sangria, muito bem acompanhado de deliciosas tapas. Porque, claro, estamos na Espanha!
// subsolo do Ojalá, você vai se apaixonar <3 // // subsolo do Ojalá, você vai se apaixonar
Continue lendo

Um dia em Ciutat Vella, Barcelona

Um dia em Ciutat Vella, Barcelona
Se você tem planos de vir a Barcelona, prepare-se para se apaixonar. Estudos afirmam que 99% das pessoas que visitam esta cidade se encantam perdidamente por ela. Com sua arquitetura modernista por todos os cantos, Barcelona é uma cidade que respira arte, cultura e design. Você vai ter vontade de morar em todos os apartamentos com as suas sacadas charmosas e aconchegantes, entrar nas inúmeras galerias de arte e lojas de design e assistir a todos os shows incríveis que passam por aqui. Prepare-se também para ler e ouvir uma língua da qual você provavelmente nunca teve contato, o catalão. Barcelona é a capital da Catalunya, comunidade autônoma espanhola, e tem como idioma oficial o catalão. A Catalunya tem um movimento independentista muito forte, que vem tentando há muitos anos se separar da Espanha e se tornar um país independente. Você poderá notar um pouco disso nas icônicas bandeiras penduradas em janelas e sacadas por toda a cidade, listradas de vermelho e amarelo, com um triângulo azul e uma estrela branca. O distrito de Ciutat Vella, no centro, é o bairro mais antigo e um dos mais interessantes da cidade. Além de ser um local com um patrimônio histórico e cultural impressionante, é o local preferido dos barceloneses para “salir de copas” - em tradução livre, sair para beber algo (alcóolico). Comece o seu dia tomando café da manhã no Komo en Kasa, café/bar/restaurante com muitas opções vegetarianas deliciosas, na Carrer (rua em catalão) de Joaquin Costa. Peça um expresso, uma quiche ou uma empanada (ou os dois) e sente-se em uma das mesinhas da “calçada” que não tem erro. 1 copy Reserve o resto da manhã para caminhar pelo bairro. Esse é o momento de desligar o Google Maps e seguir sem rumo. A melhor maneira de conhecer esse lugar é descobrindo suas ruazinhas estreitas e seus becos que parecem sem saída, mas sempre te levam a algum lugar. Depois desse passeio a gente conversa. 222 copy Pro almoço, um dos meus favoritos é o Flax & Kale. Impossível não sair dali apaixonado. Sério. Começando pelo ambiente amplo, pé direito alto, iluminado por grandes janelas que te deixam olhar o ir e vir das pessoas na rua. A comida, baseada no que eles chamam de dieta flexitariana, algo como um vegetarianismo mais flexível, onde de vez em quando entra um peixe azul em alguns pratos, tem 80% dos alimentos com origem vegetal, sendo os outros 20% de peixes frescos. Pra comer bem e de uma maneira saudável, esse é o lugar. Recomendo começar com os tacos vegetarianos e seguir com um hambúrguer de verduras e legumes da estação. Para beber, peça uma das inúmeras combinações de sucos prensados a frio. O meu preferido, o “The Vegan Vampire”, leva pêra + cenoura + abacaxi + laranja + limão + gengibre e beterraba. 3 copy33 copyBarcelona tem um estilo próprio, uma pegada meio underground anos 80/90. Depois de passar pela Carrer dels Tallers, você vai entender. É nessa rua que se concentram os melhores brechós da cidade. Nao deixe de entrar no Flamingos, um dos mais famosos, com inúmeras peças únicas. Atenção para os blusões de lã estilo vovó-tricotou e para as jaquetas multicoloridas jogging/fitness, um clássico dos anos 80. 44 copy Na Carrer de Gravina, rua transversal a Carrer dels Tallers, fica a Loring Art, livraria de arte, moda, design, cinema e comunicação. Além de livros, você vai encontrar revistas, catálogos de exposições e livros de artista que nao se encontram em nenhum outro lugar. Minha única ressalva é: cuidado com o excesso de bagagem. 55 copy Termine o dia bebendo alguns drinks no meu bar preferido, o 33/45. O salão dos fundos é incrível, parece uma sala de estar enorme com vários ambientes dentro dela. Uma atmosfera intimista, acolhedora, que dá vontade de ficar ali por horas, de levar um livro, o gato e os amigos. Se tivesse uma lareira, diria que seria o melhor lugar da cidade. Na entrada ficam a barra e algumas mesinhas, mas não perca tempo e vá direto pros fundos. Sente-se e um dos sofás, peça um Spritz e/ou um Vermouth e finalize a noite em alto, grande, enorme e incrível estilo. BÔNUS: Fim de tarde com a vista mais incrível de toda a cidade nos Bunkers del Carmel. Construídos em 1937 durante a Guerra Civil Espanhola, eram um dos eixos de defesa antiaérea da cidade, com um vista panorâmica tanto para o lado do Mar Mediterrâneo quanto para o lado do continente. Pra chegar lá, pegue a linha de ônibus 24 na direção El Carmel, desça na parada Doctor Bové - Gran Vista, suba algumas escadas e se encante com a paisagem. O trajeto todo leva em torno de 45 minutos, mas pode ter certeza que vale a pena. Pra completar o clima, leve uma garrafa de vinho (vá bem agasalhado, caso seja inverno) e curta o encantador fim da tarde barcelonês. 77 copy 7 copy Continue lendo
x