Scarabeus, Adalia, Odonata... Conheça os insetos que dão nome aos nossos produtos

Seta Fina Esquerda ícone Seta Fina Direita ícone

Pequenos e peculiares, os insetos são animais essenciais ao equilíbrio ambiental. Além de indispensáveis à cadeia alimentar, eles têm funções que vão da polinização de plantas à purificação do solo pela decomposição de matéria orgânica, passando por potencialidades bem curiosas, que incluem até a solução de crimes, como no caso dos necrófagos, que indicam possíveis horário e local de morte.

Pra se ter uma ideia da importância desses minúsculos e invertebrados seres, se tirássemos todos os insetos do mundo, os humanos não conseguiriam nem sobreviver. Portanto, se você preza pela sua saúde – e até pela sua existência preserve esses pequenos gigantes e seus habitats!

Conheça melhor 10 insetos que dão nome aos nossos produtos:

Scarabeus: Nosso besourinho do <3. Também conhecidos como Escaravelhos Sagrados, eram amuletos muito populares no antigo Egito, sendo sua mitologia ligada aos movimentos solares e a uma linhagem de faraós.

Eles realmente não perdem a majestade!

 

Vedalia: São joaninhas! Em 1800, salvaram plantações cítricas na Califórnia, eliminando um inseto que estava causando danos às plantações.

Como não amar?

Argia: Gênero de libélula encontrada no hemisfério ocidental, são conhecidas como dançarinas por serem ativas e alertas.
 

Adalia: Sabe aquela joaninha vermelha com bolinhas pretas nas asas? Ela mesma!

É comum em jardins e parques, e acredita-se que traz sorte quando pousa em alguém. 
 



Papilio
: Essa espécie de borboleta, de asas alongadas e desenhos que parecem grandes olhos no tórax, vive apenas um mês.

Aproveite para admirá-la quando encontrar!
 

 
Odonata: As libélulas simbolizam o amadurecimento e a paciência.

Se na mitologia grega eram vistas como representação da imortalidade, hoje são estudadas pelo poder antiviral e antibacteriano de suas asas, capazes de acabar com micro-organismos em pouco tempo.
 



Mimoide: Borboletas ameaçadas de extinção pela urbanização excessiva, pois seu voo é lento e sensível.
 

Donacia: Besouro por excelência. Existem mais de 44 tipos na natureza, que se alimentam de plantas aquáticas.
 



Memphis: Borboletas caracterizadas por um voo rápido e forte, que se disfarçam entre folhas secas, cascas de árvores ou pedras para sobreviver aos predadores.
 

Lyta: gênero de besouro verde-esmeralda da família Meloidae.

Produz uma secreção que causa queimaduras dolorosas, e que também é usada para tratamento de retirada de lesões de pele.

Fotos: Arnoldius (Scarabeus), Katja Schulz (Vedalia), Charles James Sharp (Argia), Entomart (Adalia), Anton Croos (Papilio),  Осадчая Екатерина (Odonata), Alexey Yakovlev (Mimoide), Siga (Donacia), Evaldo Resende (Memphis), Stefanie Hamm (Lytta)/Wikimedia Commons

Deixe um comentário