Seu Carrinho
Fechar alternativas ícone
Frete Ok

Para Inspirar: As Iniciativas Ambientais Por Trás Do Discurso Do Leonardo DiCaprio No Oscar

Seta Fina Esquerda ícone
Para Inspirar: As Iniciativas Ambientais Por Trás Do Discurso Do Leonardo DiCaprio No Oscar
Vamos aproveitar o discurso do Leonardo DiCaprio no Oscar para aprofundar um pouco mais sobre as questões de mudanças climáticas e proteção ambiental que o auto declarado ator e ambientalista vem fazendo nos últimos anos. Dessa maneira, quem sabe, o discurso e as ações do ator possam nos inspirar a fazer nossa parte de maneira diária e efetiva. Nós já falamos por aqui sobre Cowspiracy, o documentário que conta com DiCaprio como produtor executivo e está disponível no Netflix. Mas o envolvimento do ator com causas ambientais vai muito além. Virunga, outro documentário disponível no Netflix, também conta com os esforços de DiCaprio.  Virunga aborda os esforços dos ambientalistas para manterem o Virunga National Park, um parque de proteção animal na República Democrática Do Congo. Ainda na lista de documentários ambientais que contam com a participação do ganhador do Oscar, a série “Carbon”, da organização Green World Rising, tem narração do ator em todas as quatro partes da série e foi feito com o apoio da Leonardo DiCaprio Foundation. “Carbon” aborda os efeitos da queima de combustíveis fosseis e as possibilidades para diminuir essa poluição, colocando um preço alto em cima das atividades das grandes corporações. Aliás, através da Leonardo DiCaprio Foundation, fundada em 1998 para ajudar causas de proteção ambiental, o ator já doou milhões de dólares para ONGs de proteção ambiental, entre elas a WWF, Oceana e Elephant Crises Fund.  No site da fundação, é possível também se cadastrar para receber as novidades sobre as iniciativas que mais têm a ver com você e maneiras de ajudar. Print No Instagram do ator, também é possível acompanhar todas as ações no qual ele e a fundação estão envolvidos. São diversas causas distintas e diversos apelos, mas todos abordam as intervenções devastadoras do ser humano no mundo e na vida animal, sempre mostrando possibilidades de se envolver para ajudar. Não à toa, Leonardo DiCaprio foi escolhido para ser porta voz da ONU nos assuntos de mudança climática. Sua apresentação endereçou grandes líderes que continuam fingindo não existir mudança climática: “Como ator, eu finjo para ganhar a vida. Eu interpreto personagens fictícios muitas vezes solucionando problemas fictícios. Eu acredito que a humanidade tem olhado para a mudança climática da mesma maneira: como se fosse uma ficção acontecendo com o planeta de outras pessoas, como se fingindo que a mudança climática não é real ela de alguma maneira desaparecerá.” O que torna todas as ações do ator ainda mais interessantes e, de certa maneira, efetivas, é que ele não dá voltas e não hesita em apontar os culpados: governos e suas alianças com grandes corporações poluidoras: “Para ser claro, isso não é sobre pedir para as pessoas trocarem suas lâmpadas ou comprarem um carro hibrido. Esse desastre cresceu para além das questões individuais. Isso é agora sobre nossas indústrias e governos no mundo todo tomando decisões em larga-escala”. A abordagem do ator e ambientalista também nos ajuda a entender que plantar algumas árvores, comprar produtos “eco-friendly” e trocar o carro pela bicicleta não é suficiente para reverter o panorama atual das mudanças climáticas. Como o problema cresceu para além das ações individuais, é preciso também buscar soluções para além do individualismo. O engajamento coletivo em iniciativas que enderecem governo e indústria, e sejam capazes de mudar nosso estilo de vida, nosso jeito de fazer negócios, nosso sistema e nossa economia se faz necessário para alcançar uma mudança real. Que o discurso do Leonardo DiCaprio no Oscar nos motive para além dessa semana, que suas ações em prol do meio ambiente nos permitam enxergar os problemas e imaginar soluções de maneira menos autocentrada e mais efetiva - juntos.

Deixe um comentário

x