Seu Carrinho
Fechar alternativas ícone
Frete Ok

Dicas básicas para começar a reduzir sua produção de lixo agora

Seta Fina Esquerda ícone
Dicas básicas para começar a reduzir sua produção de lixo agora

Faz 10 meses que estou buscando reduzir a minha produção de lixo a zero, o que significa que já passei por poucas e boas pensando em como fazer isso. Enquanto algumas coisas parecem não fazer muita diferença, outras mudanças básicas na nossa rotina reduzem muito do lixo produzido no dia-a-dia. Selecionei dicas muito eficazes para quem quer começar agora e não sabe como:

 

  1. Compre menos comida

A gente já viu aqui o quanto jogamos comida fora e quanto isso é preocupante. Um dos jeitos de diminuir esse desperdício é simples: comprar menos comida. Pense na sua geladeira agora. Tem, com certeza, alguma coisa estragada que você vai jogar direto no lixo, certo? E isso acontece muito porque compramos mais do que conseguimos comer. Parece óbvio, mas não reparamos.

Supermarket

Para conseguir comprar menos comida (e comê-la melhor), lembre de fazer compras planejadas. Mas nada de planilha, é um exercício simples e mental: o que eu (ou minha família) vou comer durante esta semana? Escolha coisas que combinem entre si e as quantidades perfeitas para as receitas que você quer fazer. Se precisar de mais tomates ou cebolas, você pode comprar depois. Se você comprar agora e elas sobrarem, elas podem estragar. Com as compras feitas, guarde tudo muito bem e a maioria das coisas na geladeira; foque em cozinhar coisas que costumam estragar antes (saladas, frutas maduras, etc).

 

  1. Compre mais em feiras e menos em mercado (e leve seus saquinhos de pano!)

Prefira evitar os supermercados e tente comprar todos os vegetais e até alguns pães, queijos, grãos como feijão e arroz, geleias, vinagre, etc em feiras livres. Primeiro porque essas coisas são geralmente mais fresquinhas e vieram de mais perto. Segundo porque geralmente é mais barato. E terceiro porque você consegue comprar quase tudo sem embalagem (ou com embalagens de vidro que podem ser devolvidas).

Leve saquinhos de pano para escolher os vegetais e uma (ou mais) sacolas grandes para carregar tudo para casa. Menos embalagens e mais comida in natura = mais saudável pra você também. Além de fugir de todas as tentações possíveis (e embaladas) que existem nos mercados.

 

  1. Leve um guardanapo de pano por aí

Tenha um guardanapo de pano na bolsa e use ele no lugar de todos os descartáveis que esbarramos. Além de limpar melhor, você economiza muitos guardanapos que usamos para limpar, segurar alimentos, embalar algum restinho etc. Ele também funciona superbem como uma trouxinha, para você embalar comidas ou outras coisas na falta de uma sacolinha.

 

  1. Tenha uma composteira em casa

Cerca de 50% do lixo que produzimos em casa é produzido na cozinha, o chamado lixo orgânico. Composto de restos de alimentos, cascas, alimentos estragados ele é enviado aos aterros sanitários em sacolinhas plásticas – o pior de todos os mundos. É pela degradação anaeróbica, com bactérias, que esse tipo de lixo causa o cheiro fedido que estamos acostumados.

Uma composteira degrada esse material com oxigênio, sem deixar mau cheiro e transformando-o em um potente adubo. Dá pra fazer em casa ou comprar. A maioria das composteiras feitas para ficar dentro de casa tem minhocas que ajudam na decomposição do material. Só com isso, você deixa de mandar para os aterros metade do lixo produzido na sua casa! ;)

 

  1. Simplifique a limpeza da casa

A gente foi convencido que precisa de inúmeros produtos de limpeza super eficazes, químicos e nocivos. A verdade é que podemos deixar todos esses nas prateleiras dos mercados e usar somente três coisas: sabão de coco em barra, bicarbonato de sódio e vinagre.

O vinagre serve como desinfetante de forma geral, pro chão ou pra superfícies. Se usado junto com o bicarbonato, funciona para limpeza pesada de banheiros, pias e fogão. Já para lavar tudo, o sabão de coco em barra dá conta: na louça, nas roupas (rale, processe e misture a mesma medida de bicarbonato de sódio e faça seu sabão em pó!) e outras limpezas que precisem de sabão. Com essas mudanças você compra muito menos embalagens, limpa a casa muito mais naturalmente e gasta menos dinheiro!

Deixe um comentário

x