B12 – POLÊMICA E ESSENCIAL

Seta Fina Esquerda ícone
B12 – POLÊMICA E ESSENCIAL
Neste primeiro post, o foco será na B12, já que é uma vitamina notoriamente polêmica no veganismo, devido ser rara em alimentos de origem vegetal. Porém muito ignorada na alimentação mesmo de quem consome carnes e produtos derivados de animais, que vem apresentando crescente deficiência já que sua absorção e metabolismo são delicados e dependentes de alguns fatores. B12 (Cobalamina) é uma vitamina essencial para o metabolismo e saúde do sistema nervoso. Tem papel importante na formação de DNA, RNA e da bainha de mielina (camada ao redor das fibras nervosas que auxilia na condução de impulsos nervosos). É parte integrante na formação de glóbulos vermelhos do sangue e muitas vezes impacta nos nossos níveis de energia e disposição. A B12, para ser bem absorvida no intestino, necessita da presença de uma proteína produzida pelo estômago chamada fator intrínseco, além de ser necessário que o estômago tenha níveis suficientes de ácido gástrico. A deficiência desta vitamina também pode ser decorrente de inflamações intestinais, de cirúrgia para redução do estômago (que reduz o número de células produtoras de fator intrínseco) e utilização constante de anti-ácidos. A deficiência desta vitamina não é exclusivamente ligada à alimentação vegana, embora mais suscetível, já que atinge a muitos independente da filosofia alimentar. Pode levar anos para os primeiros sintomas aparecerem e caso se enquadrem em alguma das situações mencionadas acima, é recomendável fazer exames, especialmente se apresentarem alguns sintomas como anemia, que traz sinais de cansaço e fraqueza, além de ciclo mentrual irregular e baixo. Sintomas sutis que podem aparecer no início envolvem dificuldades de raciocínio, falhas de memória, reflexos mais lentos, dificuldades motoras, formigamento nos braços e pernas, mudanças drásticas de humor e, infelizmente, se não tratada, pode acabar se tornando anemia perniciosa (que pode ser fatal) e causar danos irreversíveis ao sistema nervoso.
vegano Veganos são mais suscetíveis à falta de vitamina B12
Para os veganos é extremamente recomendável a suplementação, pois embora necessária em quantidades bem pequenas, necessita especial atenção (ao redor de 2.4mcg por dia é o suficiente para quem não possui deficiência prévia, sendo que de 10 a 20mcg garante um maior nível de absorção). Já para carnívoros e ovo-lactovegetarianos com déficit de B12 é importante fazer exames e verificar o que está ocasionando a má absorção pois a suplementação apenas pode não ser a solução. A razão pela qual a B12 é muito mais disponível em alimentos de origem animal ocorre devido ser resultado de atividade bacteriana no intestino de animais. Assim quando o animal ou seus derivados são consumidos, a vitamina se torna mais prontamente disponível. No entanto a bactéria é a verdadeira heroína na fabricação desta vitamina e assim há suplementos veganos disponíveis com base nestas específicas bactérias.
gado B12 - Maior quantidade em alimentos de origem animal
A B12 também pode ser encontrada em alimentos fermentados como tempeh e miso, dependendo do método de fermentação, nori e outras algas, spirulina, além de produtos fortificados como leites de origem não-animal. Porém as quantidades oferecidas podem não atingir os níveis necessários a longo prazo já que a quantidade de porções necessárias seria extremamente alta. Como as consequências podem ser bastante sérias, recomenda-se sim a suplementação aos veganos já que não possui qualquer contra-indicação (não há algo como overdose de B12). Apenas é preciso estarmos atentos às cápsulas gelatinosas que em sua grande maioria são de origem bovina (a não ser que especificada origem vegetal, que é raro devido ao alto custo). Para quem consome derivados de animais, é também importante verificar que consumo de proteína animal em excesso inibe a absorção de B12 além das condições já citadas acima. Independente da filosofia de cada um, vamos nos atentar a esta vitamina, a qual precisamos de  pouco mas que é tão essencial à nossa saúde. Sintam-se a vontade para enviar sugestões, comentários, dúvidas ou tópicos de interesse. Estou à disposição! E fiquem atentos aos próximos posts com conteúdos e dicas complementares. Namaste!

Deixe um comentário

x