Seu Carrinho
Fechar alternativas ícone

5 coisas que você não sabia sobre insetos polinizadores 

Seta Fina Esquerda ícone Seta Fina Direita ícone
5 coisas que você não sabia sobre insetos polinizadores 

Lá em 1962, Rachel Carson chamou atenção do mundo para as consequências do uso de agrotóxicos em seu livro “Primavera Silenciosa”. Hoje estamos presenciando esses impactos, com contaminação da comida, água e a morte em massa de insetos polinizadores. Pouca gente sabe, mas esses insetos são importantíssimos para a vida na terra, e hoje queremos falar um pouco mais sobre eles - já que de inseto a gente entende! ;)

As abelhas não são os únicos polinizadores. Apesar de serem as mais famosas e numerosas (no Brasil, existem aproximadamente 1,7 mil espécies de abelhas), também fazem esse super trabalho borboletas, beija-flores, morcegos e até mesmo alguns macacos. 

Os polinizadores colaboram com mais de 75% dos cultivos alimentares do planeta, entre eles café, maçã, amêndoa, tomate e cacau, além de várias outras frutas e sementes. Segundo estudos, cerca de dois terços da alimentação dos seres humanos vem de plantas polinizadas.

60% das espécies de plantas cultivadas no Brasil dependem da polinização. Essas plantas são voltadas para as áreas mais variadas, desde alimentação até o biodiesel. São 141 espécies, e dessas, 85 precisam de polinização animal para crescer. 

Os insetos polinizadores ajudam a garantir segurança alimentar. O acesso de mais pessoas a uma alimentação saudável e nutritiva só pode existir graças aos polinizadores! Eles garantem a biodiversidade dos alimentos transportando pólen por grandes distâncias, enriquecendo os cultivos naturalmente. 

Eles estão correndo grande risco. Desaparecimento e mortes em massa acontecem devido à perda de habitat, mudanças climáticas e principalmente o uso de agrotóxicos. Em apenas três meses, mais de 500 milhões de abelhas foram encontradas mortas por apicultores de quatro estados brasileiros, segundo a Agência Pública e Repórter Brasil. Grande parte dos agrotóxicos são fatais para os insetos, o que parece não fazer sentido: se eles são tão importantes para uma agricultura mais produtiva, por que usar produtos que causam a sua morte? Falamos mais sobre a questão dos agrotóxicos aqui

 

Quero salvar os insetos polinizadores! O que posso fazer? 

Pequenas ações do dia a dia podem fazer toda a diferença 💪

  • Prefira alimentos orgânicos sempre que possível.
  • Plante árvores e cultive flores - o que você conseguir no espaço que tem!
  • Deixe flores silvestres e ervas crescerem no seu jardim, é importante para os insetos e são fontes ricas de alimentação (inclusive para nós, no caso das PANC’s).
  • Construa um "hotel para abelhas": basta ter uma madeira oca com furos, bem acessível e ao mesmo tempo protegida de chuva e animais. Abelha solitárias irão se abrigar por lá.
Conheça iniciativas como a Sem Abelha, Sem Alimento e SOS Abelha Sem Ferrão para saber mais ;)

Deixe um comentário

x